Cuiabá, 29 de Junho de 2022

Quase 100 kg de pescado irregular são apreendidos pela Polícia Militar em MT

g1

 

Quase 100 kg de pescado irregular foram apreendidos, nessa sexta-feira (10), pela Polícia Militar em Araguaiana, a 570 km de Cuiabá. De acordo com os policiais, os peixes estavam fora da medida e com indícios do uso de rede de pesca predatória.

De acordo com a PM, a equipe avistou um veículo que parecia estar carregando grande quantidade de carga, devido a traseira estar rebaixada. Diante da suspeita do carro estar transportando algum tipo de material ilícito, os policiais realizaram a abordagem.

Os policiais encontraram diversos sacos plásticos com uma grande quantidade de peixes.

Os dois indivíduos que estavam no veículo disseram que haviam pescado uma parte em uma chácara da região e teriam comprado a outra parte de terceiros.

Diante da suspeita dos peixes estarem fora da medida permitida para pesca, os policiais buscaram apoio de agentes da Secretaria de Estadual de Meio Ambiente (Sema-MT), que constataram se tratar de peixe não somente fora da medida, mas com claros indícios de pesca com rede, prática ilegal nos rios da região.

Diversas espécies de peixes foram apreendidas, como pintado, dourado, pacu, entre outras.

O pescado irregular foi doado para o Centro Educativo Imaculada Coceição, no bairro Vila Maria.

Os indivíduos foram detidos e encaminhados à delegacia do município.

Fatos e Fatos

O site Fatos e Fatos entende que estar preparado é também estar ciente do mundo que o cerca, dos temas que focam a atenção do público e dos fatos que determinam os destinos tanto da sua comunidade. Por isso, o nosso portal não se descuida da cobertura jornalística tradicional, abrangendo temas como Política, Economia, Cidades, Esportes, Tecnologia e Cultura. Essa preocupação faz com que o nosso site torne-se um ponto de informações, as mais diversas, e de pessoas interessadas em se formar e se informar, acreditando, como nós, que a valorização da Educação é a maneira mais eficiente e saudável de mudar o mundo.

Seções

NEWSLETTER

Inscreva-se agora para obter notícias exclusivas!